Web Rádio Foguinho Eventos Zap (74)99954-6957

9 de out. de 2020

Polícia Militar prende homem por Tráfico de Drogas em Serrolandia

Ontem por volta das 17:30hs, uma guarnição da 91ªCIPM que realizava policiamento na cidade de Serrolandia, ao se  aproximar do bairro Tangará, percebeu um indivíduo em atitude suspeita que havia dispensado um saco ao vizualizar a guarnição.

O indivíduo foi abordado, a busca pessoal feita, posteriormente ele conduziu a guarnição a sua residência, amarrou os cachorros, e autorizou a entrada dos policiais alegando que era apenas usuário e que havia uma pequena quantidade dentro da casa. No escritório foram encontrados pequenas quantidade de uma erva prensada e de erva em talos aparentando ser maconha, cachimbo artesanal, deschavador, máquina de cartão, dois aparelhos telefônicos, caderno com anotações, medalha com símbolo dos metralhas, balança de precisao e R$ 1.315,00 (um mil trezentos e quinze reais) na carteira do indivíduo.

O indivíduo bem como todo o material foi encaminhado a Delegacia de Polícia Civil da cidade de Jacobina para adoção das medidas cabíveis.

 Fonte: ASCOM 91ªCIPM

Casa que servia de deposito de pneus pega fogo no Bairro Sacramento em Capim Grosso



Por volta de meio dia desta sexta-feira, 09 de outubro, uma casa localizada no Bairro Sacramento em frente a Lagoa de Dete, pegou fogo após pneus e borracha que eram armazenados na mesma serem incendiados, ainda não se sabe se foi alguém que colocou fogo ou se foi acidental.

De acordo com relatos, vizinhos perceberam uma fumaça e um cheiro de borracha queimada e quando se deram conta já havia um incêndio de grandes proporções, uma nuvem de fumaça preta era vista de vários pontos da cidade, vizinhos e populares se juntaram para apagar o incêndio, pegando água da lagoa em baldes e jogando nas labaredas, mas como a borracha era muito inflamável e altamente tóxica, demorou para as chamas serem controladas, um carro pipa foi solicitado mais por conta da demora populares subiram em telhados de casas vizinhas para jogar água de balde e controlar o fogo.

A cidade de Capim Grosso com mais de 30 mil habitantes ainda não existe uma brigada de incêndio, nem um setor público que possa agir em situações como essa. Volta e meia acontecem incêndios de comércios e casas aqui na cidade e em todas populares é que metem a mão na massa para salvar patrimônio ou vidas.

A situação ocorrida hoje colocou em risco muitas vidas tanto de pessoas que vive ao redor da casa quantos aos que se propuseram a ajudar, já que a fumaça é altamente toxica podendo causar vários problemas respiratórios e até a morte daqueles que respirarem por muito tempo.

Mais uma vez a solidariedade resolveu o problema e evitou vidas ou até mesma outras casa fossem destruídas, mas tá na hora de Capim Grosso começar a pensar em ter um órgão responsável pela prevenção e solução de problemas como esse.   

Redação FR Notícias

Visita Online